Muitas das pessoas que frequentavam o Centro Holístico à procura de ajuda começaram a pedir por medicamentos e então como na casa trabalhava uma terapeuta   que entendia muito de ervas e fitoterapia, logo ficou claro que seria interessante trabalharmos com alguns chás e banhos para concretizar no físico o que fazíamos a nível energético.

Então nasceu o projeto Jardim da Paz em 1996 que muito tem beneficiado a comunidade através de ervas medicinais, da oportunidade de trabalhar a terra e de participar de dinâmicas e terapias junto a natureza.

 Recebemos do IBD a certificação Orgânica no ano de 2004 e a partir de 2011 a certificação Biodinâmica.

Toda a plantação está em um sistema computadorizado, existindo assim o rastreamento desde a sua semeadura até que o último lote seja dispensado no centro holístico.

“Enquanto não alcanço as Estrelas posso ir plantando flores”.

Este projeto refere-se ao plantio de ervas, flores e frutos medicinais. Sua área é de 5.920 m² dos quais 1713 m² são cultivados de forma orgânica e biodinâmica – certificação pelo I.B.D.

Seus canteiros foram organizados de tal forma que lembra um corpo humano estilizado, e em cada órgão ou parte do corpo humano do jardim é semeada a planta correspondente para aquele órgão ou sistema.

Toda sua área foi dividida em 12 sistemas:

  • Sistema Reprodutor;
  • Sistema Digestivo;
  • Sistema Urinário;
  • Sistema Circulatório;
  • Sistema Respiratório;
  • Sistema Endócrino;
  • Sistema Nervoso Central;
  • Sistema Nervoso Periférico;
  • Sistema Ósseo;
  • Sistema Imunológico;
  • Sistema Locomotor;
  • Sistema Muscular.

O plantio, os tratos culturais e a colheita são feitos de acordo com os melhores estímulos Cósmicos (lua, planeta) que estiverem atuando.

Objetivo

O objetivo deste jardim é:

  • Reunir as ervas medicinais em um único local para preservá-las da extinção;
  • A composição de fitoterápicos
  • O contato direto dos pacientes com as plantas;
  • O uso do local para terapias e dinâmicas ou celebrações.

Do mesmo modo que acontece no ser humano, que tem todo um sistema energético localizado no seu corpo físico (sistema de chacras), este sistema energético também foi elaborado no jardim, sobrepondo-se ao corpo físico dele. Os sete principais chacras são bem visíveis no jardim.

Existe toda uma dinâmica para se percorrer o jardim, para usufruir melhor a sua energia. Para pessoas que tem determinado órgão doente aconselha -se que ela medite no local correspondente  a esse órgão.

Para completar esse circuito, pode-se meditar percorrendo o caminho do meio (TAO), se energizar nas pirâmides (Egito), fazer o circuito da mandala do cardíaco para trabalhar sentimentos e emoções. E ainda, trabalhar na sementeira que representa a Árvore da Vida ou meditar no canteiro que representa seu signo.

O jardim se enfeita e abre seus portões nos equinócios e solstícios para celebração destas datas, já sendo uma tradição a festa da primavera.

Iniciado em setembro de 1996, o jardim nunca teve um projeto pré-definido. Quando começamos não tínhamos ideia do que ele seria, não houve um projeto ou plano da mente apenas seguimos nossos corações, riscamos o chão e plantamos durante 3 anos.

Portanto esse jardim não foi feito pela mente e sim pelo coração. A mente só entendeu muito mais tarde, quando fez conexão com o coração.

Quando abrimos realmente nossos corações é que conseguimos captar o verdadeiro sentido da vida e ai então entendemos o que viemos fazer aqui.

E então a vida flui.

Assim como um rio que corre para o mar, a vida passa a ter um objetivo. É logico que existem as cachoeiras e quedas, mas elas fazem parte do caminho e nós não ficamos perdidos ou estagnados. E podemos então realizar nossos sonhos.

Esse jardim foi um sonho que sonhei e está aberto a todas as pessoas que queiram meditar pela paz e um mundo melhor

Herbário

Como não podia deixar de ser, em sequência à plantação de ervas foi criado o herbário.

Depois de colhida, a erva é levada para um galpão no próprio jardim e é feita a primeira seleção. A parte rejeitada vai para a compostagem. As ervas selecionadas vão para o herbário, que fica junto ao centro holístico, onde é transformada em chás, banhos, gotas frequênciais que são doadas posteriormente aos clientes do Centro Holístico Sanat Kumara.e outros produtos como temperos que possuem a marca orgânica e biodinâmica do Jardim da Paz e são comercializados para a manutenção de todo trabalho. Contamos para a execução de todo esse trabalho com voluntários, um biólogo e uma farmacêutica.

veja abaixo algumas FOTOS DO PROJETO

Conheça nossos outros projetos